Notícia

26/06/2017

Sem preço, Ford dá detalhes do novo Ecosport Titanium 2018


A Ford está revelando aos poucos as informações sobre o novo EcoSport 2018, que receberá atualização visual e novos conjuntos mecânicos para tentar se aproximar dos líderes Honda HR-V e Jeep Renegade - lembrando que ele liderou o segmento por 12 anos. As vendas começam no final de julho e, segundo a fabricante, o novo modelo global será oferecido ao todo em 140 países. 

A primeira apresentação do novo Eco aconteceu no início de junho, com exibição para o público na América Latina dias depois durante o Salão de Buenos Aires, na Argentina. Desenvolvido 60% em solo nacional, o SUV manterá algumas características próprias para o nosso mercado, como o estepe na tampa traseira, que a Ford argumenta permnecer lá por escolha do público brasileiro. 

Motor e câmbio são novos

Nesse momento, a Ford revela apenas detalhes da versão topo de linha Titanium, que terá motor 2.0 Direct Flex com injeção direta de combustível, duplo comando de válvulas variável e bloco, cabeçote e cárter feitos de alumínio. Ele rende 176 cv e 22,5 kgfm de torque (etanol) e 170 cv e 20,5 kgfm (gasolina). O motor 2.0 atual do Eco entregava 140 cv com gasolina e 147 cv com etanol. 

De novo citando os rivais, com etanol, o HR-V 1.8 entrega 140 cv, o Renegade 1.8 rende 139 cv, o Creta 2.0 rende 166 cv, o Kicks 1.6 rende 114 cv e o Tracker 1.4 turbo entrega 153 cv.

Além disso, sai o câmbio automatizado Powershift de dupla embreagem e seis marchas e entra um automático convencional com conversor de torque de seis velocidades e opção de trocas manuais nas borboletas atrás do volante. Segundo a Ford, ele acelera de 0 a 100 km/h em menos de 10 segundos.

Melhorias em vários aspectos

A suspensão também foi modificada para aumentar o conforto. De acordo com a fabricante, o curso está 17 mm maior na dianteira, as buchas foram recalibradas, houve melhoria de 15% na absorção de impactos e de 6% no controle de rolagem, teve redução de 40% de aspereza no volante, aumento de 5% na rogidez torcional da carroceria e agora o eixo traseiro está 15% mais rígido. Tudo isso pensando em melhorar a estabilidade e a dirigibilidade do SUV. 

Uma das grandes novidades é que o Eco recebe grade frontal ativa, que abre ou fecha as aletas conforme a necessidade, melhorando a aerodinâmica e a eficiência do motor e reduzindo o consumo de combustível. Ele é o primeiro SUV compacto no país a contar com essa tecnologia, até então presente apenas em carros de segmentos superiores. 

Acabamento e espaço interno

A Ford faz questão de destacar quanto o EcoSport evolui nesses aspectos. Os materiais adotados estão mais refinados e mais agradáveis ao toque, além de uma total repaginação do desenho da cabine. Os comandos foram pensados para ficarem mais ergonômicos, com fácil acesso pelo motorista. 

Um dos destaques é o novo sistema de rebatimento dos bancos, que permite criar uma superficie plana com o assoalho do porta-malas para acomodar itens maiores. O assoalho do porta-malas, aliás, tem três níveis de altura. Na posição mais baixa, ele otimiza o espaço, deixando-o integralmente para as bagagens.

Na posição intermediária, esse sistema cria uma espécie de prateleira, permitindo guardar objetos menores abaixo da tampa. Já na posição elevada, aquela que fica na mesma altura dos bancos quando rebatidos, cria um espaço de 52 litros abaixo da tampa. É a mesma lógica do sistema que já existe no VW up!. 

Segundo a Ford, o porta-malas na configuração padrão leva 356 litros, lembrando que eram 362 litros no modelo anterior. Para comparar, o HR-V e o Hyundai Creta têm capacidade para 431 litros, o Renegade para 260 litros e o Nissan Kicks tem 432 litros. Já com os bancos rebatidos, a capacidade do Eco chega a 1.178 litros. A versão pesa 1.359 kg e mede 4,26 m de comprimento, 1,76 m de largura, 1,69 m de altura e 2,51 m de entre-eixos. 

Equipamentos de série

O Eco Titanium virá de fábrica com ar-condicionado digital, direção elétrica, retrovisor antiofuscante, sensor de chuva, acendimento automático dos faróis, bancos e volante revestidos de couro, teto solar elétrico, rodas de liga leve de 17 polegadas, câmera de ré, sensor de estacionamento traseiro, alerta de ponto cego com indicador de tráfego cruzado, faróis de xenônio, monitoramento de pressão dos pneus, controlador de velocidade, controle de tração e de estabilidade, isofix, assistente de partida em rampa, sete airbags (frontais, laterais, de cortina e de joelho para o motorista) e partida por botão. Em relação aos rivais, ele fica devendo o freio de estaciomanento elétrico. 

No painel, chama a atenção a nova central multimídia SYNC 3 com tela de 8" sensível ao toque, comandos por voz e espelhamento de smartphones via Android Auto e Apple CarPlay. Ela ainda conta com GPS integrado, assistente de emergência, modo manobrista, USB e Bluetooth. 

Fonte:http://www.icarros.com.br/noticias/lancamentos/sem-preco,-ford-da-detalhes-do-novo-ecosport-titanium-2018/22694.html

Fale com o vendedor